segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Ame-o também


Bom dia galera.
Desejo-lhes uma ótima segunda-feira e também uma boa semana. Que passe rápido!!!

Leiamos:
Nem ainda as trevas me encobrem de ti; mas a noite resplandece como o dia; as trevas e a luz são para ti a mesma coisa;
Salmos 139:12

Esse versículo sempre me chama a atenção. Quando diz "...as trevas e a luz são para ti a mesma coisa". Mas o que?!! O Senhor não difere luz de trevas? Como assim?!
É, Ele não difere mesmo. Nesse Salmo, Davi dizia que em lugar algum pode-se esconder de Deus. Onde quer que andemos, onde quer que esteja, o que quer que faça, Ele nos vê. Nada fica em oculto, nem toda a escuridão do mundo impede de sermos vistos por Ele.
E o que me encanta nessa passagem, não é o que Davi escreveu pra Deus, mas sim, o que Deus escreveu pra nós através de Davi.

O que representa o pecado é a escuridão, e o que representa a luz é a santidade.
Nisso, Deus quer nos dizer que independente do que façamos ou do que ja tenhamos feito, independente do quanto ja erramos, de tudo de ruim que ja fizemos ou viermos a fazer, isso não nos impede de sermos vistos como filho por Ele. Muitas pessoas se acham indignas de se achegar a Deus por estarem "sujos", acham que não podem ir a igreja naquele dia por ter "tomado umas". Mas nós somos todos pecadores, eu sou pecador, meu pai é pecador, meu pastor é pecador, todos somos cheios de pecado ao decorrer de nossas vidas. Mas pra Deus, tanto faz. Se Ele se importasse com isso, Ele não teria enviado seu filho pra que morresse por nós. Jesus esteve na terra pra isso, pra que todos os nossos pecados fossem perdoados. A palavra diz que a salvação vem pela graça e não pelas obras(porém, o sacrifício esta aí pra quem quiser aceita-lo). Então meu amigo, se você fizer todas as coisas boas do mundo, ou não fizer, Deus vai te amar do mesmo jeito. Por que pra Ele as trevas e a luz são a mesma coisa.

O pecado realmente nos afasta de Deus, mas não o impede de nos ver. Ele esta de braços abertos nos esperando. E por isso, na hora em que você, que ainda não vive com Ele, quiser viver, basta que saia do meio das trevas e venha para a luz, onde Ele reina. Deus é Pai, e o Pai ama ao filho. Você como filho, ja retribuiu o amor de seu Pai? Ele te ama, te aguarda ansiosamente. Esse é o livre arbítrio. Ja assistiu o filme "Todo Poderoso"? Nesse filme, Deus diz que tem poder pra fazer tudo, menos pra fazer alguém amá-lo. Isso cabe a cada um de nós. Ele nos ama, mas e nós? Amamos a Ele? Como amar ao Pai? Amando a nossos irmãos, fazendo bem uns aos outros, e acima de tudo, nos amando. Como assim Diego? Sendo egoísta?
Não, não, não foi isso que eu disse. Quando um filho chega em casa bebado passando mal, o pai dele fica feliz? Claro que não! Quando o filho se relaciona com uma pessoa que a trata mal, os pais ficam contentes? Também não. Então, são nessas coisas, nesses pequenos mal que fazemos a nós mesmos que entristecemos ao nosso Pai celestial.

Pense nisso.

Que Papai abençoe a todos, e que enxerguemos sua vontade.
Diego Avedissian

2 comentários:

  1. Fala Diegão !!!
    Trecho postado por voce "O pecado realmente nos afasta de Deus, mas não o impede de nos ver"
    Perguntinha...
    Que diremos pois? Permaneceremos no pecado, para que a graça abunde?
    De modo nenhum. (Eis o ponto)
    Romanos 6:1-2

    Abração.

    ResponderExcluir
  2. O pecado não impede que o Senhor nos veja, porém ele nos afasta dEle. Onde abundou o pecado superabundou a graça. A graça reina após o pecado, e não durante ele. É nossa luta né Noslen, a carne contra o espírito e vice-versa, o importante é não se render...

    ResponderExcluir