terça-feira, 27 de setembro de 2011

... vem a Proclamação.


Vocês devem ter percebido que o titulo impulsiona para uma continuação do texto de ontem escrito pelo Diego, e isso que vai acontecer, quero escrever algo que vai ser o passo a ser dado Depois da chuva.

Vivemos momentos realmente complicados, onde metemos os pés pelas mãos e fazemos besteiras, mesmo sabendo que estamos errados, isso acontece com todo mundo, não tenho dúvida. Mas é necessário que a gente saiba assimilar esses golpes que tomamos, muitas vezes de nós mesmos.

É normal a chuva vir forte e derrubar tudo e a gente fica desesperado por que perdemos tudo aqui que tinha conquistado. Caminhamos passos para um caminho e, de repente, tudo parece que volta pro zero. A tempestade não perdoa, se você não souber se refugiar você perderá tudo também.

Quando erramos e deixamos ser levados por essa tempestade (tentação, pecado) automaticamente ficamos mal, se isso não está acontecendo tem algo errado com você, e queremos ter nosso lugar de conforto de volta, queremos voltar a viver do jeito que era antes, porém isso depende de uma coisa, ARREPENDIMENTO!

E nós achamos que para esse arrependimento deve ser pago um alto preço para que a gente possa 'ganhar' tudo de volta. Cara, na boa, se fosse assim não existiria a graça. Você deve se arrepender de verdade se isso não acontecer, nada será feito novo.

Nos pós tempestade devemos assumir a posição de ARREPENDIMENTO e proclamação que o seu Senhor te restaurou. Não fique correndo muito atrás daquilo que já passou, se você pecou, ok! arrependa-se e retome seu caminho para o Senhor. E proclame que o Senhor restaurou a sua cidade, sua casa, a sua vida.


Anuncie o fim da tempestade e não fale com a boca somente, fale com suas atitudes. Demonstre que o seu Senhor vive em você e ele é capaz de te transformar todos os dias.

Tome uma posição de arrependimento, e avise os seus amigos que não se arrependeram ainda que o tempo está acabando e o Senhor está voltando.

Para a Glória de Cristo, Jesus.
Lennon Santos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário