sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Aaah, o amor...


I ae pessoas!


Escrevi este texto já ah algum tempo, logo quando Deus começou a tocar meu coração com essa parada de amor e tal.
Espero que gostem, tenham um final de semana cheio de alegria em Cristo Jesus e juízo.










Agora, neste exato momento são 01h53min da madrugada do dia 06/01/2011.
Depois de escrever o post abaixo, fiquei pensando nesse lance de amor sabe, de amar ao próximo como a ti mesmo.


E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.
Este é o primeiro e grande mandamento.
E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Mateus 2:37-39


Caraca brother, como Deus é maravilhoso, se coloca no lugar dele. O cara vai, manda o único filho para morrer por um bando de pecadores.


Eu ainda não tenho filhos, mas creio que alguém que tenha pode imaginar isso melhor do que eu.
Dar o único filho, eu sempre ouvi falar nisso, mas pela primeira vez parei para pensar e refletir sobre tal fato.
Mas voltando ao lance do amor, o que é o amor?


Lá em 1 Coríntios 13:04-07 diz o seguinte:
O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.
Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.


Como pode um sentimento ser capaz de tudo isso ?
Só tem um jeito, só vindo de alguém, que foi capaz de exercitar cada uma destas qualidades. Preciso dizer quem foi ?


Deus é um cara assim Power. Imagina você, um dono de uma grande empresa, que até te da algum lucro, mas que na sua grande maioria, os empregados só ramelam.


Você seria capaz de perdoá-los todas as vezes que lhe roubassem, ou que lhe faltassem com respeito, e ainda assim continuar dando a eles todos os beneficios como salário integral, convênio e etc?


Deus basicamente faz isso, por mais que alguns de nós meio que andem na linha, somos pecadores, ramelamos sempre.


E sabe o que mais me intriga nisso tudo, 1 João 1:01-02
Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; e, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo.
E ele é a propiciação pelos nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo.


Se satanás vier com tudo pra cima de você, Deus ainda te da um advogado. Agora me diz se isso não é para ficar intrigado.
Se seu único filho morresse por alguém, e este alguém estivesse realmente errado, e por incrível que pareça merecesse morrer, você ainda assim lhe ofereceria um advogado?


Eu confesso que eu nunca parei para pensar nisso, e que a cada versículo que leio fico mais e mais encantado com os diferentes tipos de amor que o nosso Senhor Jesus Cristo pode nos proporcionar.


Poderia ficar horas e horas escrevendo sobre o amor de Cristo, realmente acho que ele esta realmente esta me ministrando. Glória a Deus!


Fernando Manzini / @fermanzini


Glória a Deus

Nenhum comentário:

Postar um comentário