segunda-feira, 16 de maio de 2011

Enquanto estamos na carne...



FILIPENSES 1:21-24
 "Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho. Mas se o viver na carne me der fruto da minha obra, não sei então o que devo escolher. Mas de ambos os lados estou em aperto, tendo desejo de partir, e estar com Cristo, porque isto é ainda muito melhor. Mas julgo mais necessário, por amor de vós, ficar na carne."

Eaê galera! Esse é um trecho da carta do apóstolo Paulo aos Filipenses.
Nela, Paulo deixa meio que um desabafo, dizendo que por ele "estaria com Cristo naquele momento", tamanha a luta que estava passando.
Isso nos mostra que não é só nos dias de hoje que é difícil viver o evangelho. Até mesmo para ele que era um homem cheio de conhecimento e entendimento,
vivido, de muitas caminhadas, chegava a se entristecer com sua própria situação. Mas em seguida ele cita que por amor de nós( e somos nós mesmos, pois se ele tivesse partido, o novo testamento quase que inteiro não teria sido escrito!) julga ser necessário permanecer na carne. E não vá pensando que esse "permanecer na carne" é o que você vivia antes de se converter não viu?! Ele quis dizer que deveria estar aqui "em carne", no corpo físico, pra que a palavra continuasse ser proclamada através da vida dele. A obra precisa ser feita, e ele sabia que naqueles dias a vida dele era necessária pra que o Senhor fizesse a obra. Assim como nos dias de hoje é necessário que outras pessoas sejam usadas. O apóstolo Paulo se dispôs, entregou a vida dele à obra, e você? A palavra diz que grande é a seara, mas poucos são os obreiros (Lucas 10:2), isso quer dizer que o Senhor tem muito a fazer, mas poucas pessoas estão dispostas a pagar o preço. E que preço é esse? Tenho que dar dinheiro pra igreja? Vestir um terno? Deixar de me divertir? Não, não é esse o preço, é algo muito maior, maior para Deus, para nós é até que fácil, é o  preço da nossa renúncia. Renunciar o pecado em nossas vidas, renunciar alguns momentos de nossas vidas em que poderíamos estar fazendo coisas que edificam nossa carne pra edificarmos o espírito. Exemplos? Ao invés de assistir um filme qualquer, assista um com um tema ou mensagem bíblica, ou ler a própria bíblia, que é o melhor, deixar de perder tempo vendo coisas fúteis na internet pra orar! É difícil isso? Ou mais fácil, ao invés de ouvir músicas, ouvir louvores! É o preço da santidade!
Da adoração! De valorizar o único que realmente te valoriza! Deus!! Jesus Cristo! Vamos levar as boas novas aos que não conhecem ainda!
O Senhor conta com você!

Na paz do Senhor Jesus!

Diego Avedissian! 



Quer falar com a gente?



Nenhum comentário:

Postar um comentário