segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Pequeno, é GRANDE!

E disse-lhes: Qualquer que receber este menino em meu nome recebe-me a mim; e qualquer que me receber a mim, recebe o que me enviou; porque aquele que entre vós todos for o menor, esse mesmo é grande.” Lucas 9:48

Vivo em um mundo injusto, governado por um ‘reino’ injusto, com politicas injustas, sistema capitalista mais injusto ainda... Então EU vou ser a diferença que eu estou esperando, vou ser justo e buscar contagiar outros a seguirem a justiça.

Não devem estar acostumados a ler eu começar um texto assim não é mesmo? É porque muitas coisas me chateiam, mas graças a Deus eu não sou guiado pelo o que as pessoas me fazem, e nem pelas minhas expectativas nelas. Mas eu sou guiado por uma Palavra que me libertou e tem libertado muitos por ai.

Esse texto do evangelho de Lucas, fala de quando Jesus desce do monte com Pedro e os outros e um pai chega com o filho endemoniado, todo preocupado, mas Jesus expulsa os demônios e fala a respeito da pouca fé dos discípulos e pega depois de curado e diz que aquele que receber o menino, no nome de Jesus, recebe a Cristo e ao Pai; logo o mesmo serve para nós. E algo que é mais importante, pelo menos nesse momento nesse texto... É quando Jesus fala: “porque aquele que entre vós for o menos, esse mesmo é grande.” O que falta para nós, cristãos, vivermos o Cristianismo puro e verdadeiro é esse ensinamento de Jesus, temos que ser os menores, temos que morrer para o ego, não podemos continuar querendo que o nosso trabalho seja reconhecido, e que isso gere em nós um orgulho pelo feito obtido. Reconhecimento virá quando você não buscar por ele, as pessoas verão o seu trabalho quando você menos esperar, quando você estiver apenas focado em fazer o bom trabalho... Aquele que quer muito aparecer acaba se enganando e se enrolando na própria sede de mostrar.

Cristo foi enfático ao dizer: “quem for o menor, esse será o grande.” Não perca tempo correndo atrás de reconhecimento, o reconhecimento verdadeiro e necessário vem do alto, vem de Deus. Quando pensarmos assim, viveremos melhores, o nosso trabalho vai render mais, e vão reconhecer que algo diferente nós temos... Que é Cristo em nós.

A justiça citada no inicio do texto se resume nisso: ser o menor para ser o maior.
Foi assim que Jesus viveu.

Deus abençoe.

@lensantos13 

Nenhum comentário:

Postar um comentário